Notícias

Nova Andradina: No dia Nacional do Livro, a FINAN realiza a 1ª Feira de Trocas de Livros

Data: 31/10/2019 | 0 Comentário


Compartilhe

          

Para comemorar o Dia Nacional do Livro, em 29 de outubro, a FINAN - Faculdade de Nova Andradina realizou na Biblioteca da Unidade, a 1ª Feira de Trocas de Livros, cujo objetivo foi estimular o hábito da leitura e aproximar os leitores dos escritores brasileiros para um debate de idéias literárias. Para tanto, ocorreu uma Roda de Conversa com professores doutores nas áreas de Filosofia Contemporânea, Literatura Afro-Brasileira, Literatura Indígena e a História das Mulheres Negras na Literatura - Intitulado como “RODA DE CONVERSA: DIÁLOGOS POSSÍVEIS ENTRE FILOSOFIA E LITERATURA AFRO-BRASILEIRA E INDÍGENA”. 

Participaram da Roda de Conversa, os professores Claudinei Araújo dos Santos, Enilze de Souza Breguedo e Maurício Domingos; os convidados prof.ª Pós Dr.ª Marcela Ernesto dos Santos e o Dr. Leandro Picoli Nucci. Também abrilhantaram o evento com participações especiais, os acadêmicos do 4º semestre do curso de Direito, Marcos Daniel Santi e Marcela Augusta Barbosa, além das crianças do coral da Escola de Guarda Mirim "Sargento Natalino Júlio da Cunha".

No projeto foi apresentado uma grandeza de subsídios para aqueles que de alguma forma ainda não se encontraram com a leitura e o mundo fantástico que ela oferece. É preciso salientar que a Faculdade precisa primar pelo saber social, histórico e cultural, além de fortalecer o laço universitário com o desenvolvimento do saber literário.

Emocionada, a bibliotecária e organizadora do evento, Aline Martins, disse "quando se reúne uma equipe competente, é certo que os frutos valerão a pena ser colhidos. Mas vocês superaram todas as expectativas e foram ainda mais longe que o previsto. É um orgulho compartilhar o local de trabalho com profissionais tão capazes e dedicados. Competência e empenho são talvez as melhores palavras que descrevem cada um de vocês! Agradeço a participação de todos que contribuíram para a realização desse projeto!"

A saber, no ano de 1810 aconteceu a homenagem à fundação da Biblioteca Nacional do Livro, pela Coroa Portuguesa. Na época, D. João VI trouxe para o Brasil milhares de peças da Real Biblioteca Portuguesa, formando o princípio da Biblioteca Nacional do Brasil (fundada em 29 de outubro de 1810). Lembrando que o Brasil começou a editar seus próprios livros ainda em 1808, quando D. João VI fundou a Imprensa Régia. O primeiro livro a ser editado foi "Marília de Dirceu", do escritor Tomás Antônio Gonzaga.




Deixe seu comentário
Seu endereço de e-mail não será publicado.




    Seja o primeiro a comentar!