Notícias

Nova Andradina: Professor e Delegado Luiz Quirino dá depoimento ao Fantástico sobre Stalkers

Data: 14/03/2019 | 0 Comentário


Compartilhe

          

No último domingo, 10 de março, foi exibida matéria no Fantástico, Rede Globo, sobre "Stalkers". Um dos casos narrados foi sobre uma ocorrência registrada na 1ª DP de Nova Andradina-MS, na qual o delegado titular de Polícia e docente das Faculdades Integradas de Nova Andradina - FINAN, Dr. Luiz Quirino Antunes Gago, concedeu entrevista.

A matéria contou sobre o o BO nº 272/2019 - 1ª DP/NS, registrado no dia 25/01/2019,  referente à perseguição/pertubação sofrida pela vítima há mais de 2 anos.

Segundo o professor e delegado: "O caso chamou a atenção e mostrou-se muito grave, embora a pena da infração penal seja ínfima! Havia grande trauma/pertubação psicológica da vítima, somado ao fato de que o autor não demonstrava que iria parar com a perseguição. Assim, para resguardar e proteger a vítima, foi necessário que a Polícia Civil acionasse o Poder Judiciário, pleiteando medida cautelar de proibição de contato e aproximação, obrigando assim o auto a cessar a conduta criminosa".

Já ao site jornaldanova.com.br, Dr. Luiz Quirino explicou, "este caso, por ser diferenciado, exigiu uma atenção especial, pedimos ao Poder Judiciário uma medida proibindo que o autor entrasse em contato com a vítima, e o pedido foi aceito, contudo, as penas para esse tipo de violência ainda são muito pequenas". Disse também: "Infelizmente, nossa legislação carece ainda de uma punição mais grave para esse tipo de conduta, uma conduta muito preocupante atualmente, mas que ainda merece atenção do nosso legislador para que venha a ser punida de forma mais grave".

Confira a repercursão do caso na mídia: 

https://g1.globo.com/ms/mato-grosso-do-sul/noticia/2019/03/10/mulheres-vitimas-de-stalking-relatam-consequencias-de-perseguicao-que-nao-e-considerada-crime-no-brasil.ghtml 

https://globoplay.globo.com/v/7444821/

http://jornaldanova.com.br/noticia/392204/delegado-de-nova-andradina-consegue-medida-contra-stalking  

 




Deixe seu comentário
Seu endereço de e-mail não será publicado.




    Seja o primeiro a comentar!