Notícias

UNIESP COMEMORA SEU JUBILEU DE PRATA

0 Comentário


Compartilhe

               

No dia 27 de julho de 2022, a UNIESP comemorou seus exatos 25 anos de existência em uma cerimônia que teve como ponto alto homenagens realizadas a profissionais que fizeram parte dessa história e que representam cotidianamente todos aqueles que ajudam a continuar escrevendo a trajetória da instituição.

Realizada na Faculdade de São Paulo - Centro Histórico, a festa em comemoração do Jubileu de Prata da UNIESP começou recepcionando todos os presentes no saguão, espaço artístico e cultural que faz parte da Biblioteca da Instituição.

Os convidados foram recepcionados com uma belíssima apresentação musical com um saxofonista e um pianista, este último formou-se recentemente pela Faculdade de Música Carlos Gomes, mantida pela UNIESP. Em seguida a professora Rosa Beloto declamou poesias premiadas em concursos de poesias lusófonas na França e em Portugal que são de sua própria autoria.

Neste momento a UNIESP ganhou um presente extremamente especial do Prof. Dr. João Adalberto Campato Júnior, que concedeu para a Biblioteca da faculdade três obras; a primeira delas escrita e autografada pelo poeta  Paulo Menotti Del Pichia, um dos grandes precursores e organizadores da “ Semana de Arte Moderna de 1922”, outra obra doada pelo professor Campato foi escrita e autografada pelo escritor moçambicano Mia Couto que em sua relevante trajetória torna-se o único escritor africano a compor a Academia Brasileira de Letras e ganhador do  Prêmio Internacional Literatura Neustadt, e por último e não menos importante uma obra literária autografada por Paulo Freire, autor brasileiro de renome internacional que reestruturou a educação mundial.

Estes presentes darão origem ao “Setor de Obras Raras da UNIESP”, somando-se a outras obras de relevância do acervo da instituição que serão expostas de maneira itinerante em todas as unidades.

Para dar continuidade, os participantes foram convidados a se dirigir ao Auditório da Faculdade, neste ambiente a equipe de marketing da UNIESP havia preparado uma exposição de fotos que retratavam momentos marcantes da trajetória da UNIESP e sua evolução ao longo dos 25 anos.

            O professor Márcio Magalhaes Fontoura conduziu a mesa com uma apresentação nomeada “Uniesp em números”’, onde retratou a grandeza da Instituição nesses anos todos com seus mais de 30 mil formandos na área da saúde e mais de 70 mil da área da educação. Houve homenagens que recordaram momentos memoráveis da UNIESP, com apresentação e introdução dos mantenedores Dr. José Fernando Pinto da Costa e Prof.ª Claudia Aparecida Pereira, que comentaram seus sonhos iniciais, seus planos e como eles se concretizaram e até superaram suas expectativas.

Foram homenageados com o título de professor emérito o Professor Dr. Márcio Magalhaes Fontoura, e a Prof.ª Mestra Rosa Maria Mijas Beloto pela atuação como docentes e a participação dos nossos professores na formação de profissionais conscientes e qualificados.

Os professores Sonia Maria Vieira Maluly, Ismael Gilio e Benedito Luiz Franco receberam menção honrosa por sua enorme contribuição na prestação dos serviços educacionais e pelos mais de dezoito anos de dedicação a instituição.

 Os presentes e homenageados representam tudo o que a UNIESP mais valorizou ao longo de seus 25 anos; a democratização do conhecimento, a ampliação da oferta de educação de nível superior com qualidade, e este sonho só se concretiza com a interação dos diretores, coordenadores, professores, demais funcionários e todo o corpo discente.

      Parabéns, UNIESP! Parabéns, Dr. Fernando e Profa. Cláudia! Parabéns a todos que, a cada dia, com muito trabalho e amor, constroem esse Grupo Educacional, privado e com capital 100% nacional, que tanto tem contribuído para a evolução da Educação no País!




Deixe seu comentário
Seu endereço de e-mail não será publicado.




    Seja o primeiro a comentar!