Notícias

Respeito

0 Comentário


Compartilhe

               

O respeito é imprescindível em qualquer relação humana: no casamento, nas relações familiares, nas atividades profissionais, na vida em sociedade, nas relações com o meio ambiente, com o mundo e com a vida em geral.

O respeito é a forma mais perfeita de expressão de amor ao próximo, independente da religião, da raça, da idade, da personalidade e de tudo que consiste em características que diferenciam uns dos outros, pois, respeitar é aceitar o outro como ele é e, principalmente, fazer ao outro tudo que gostamos que nos façam. O contrário também vale: respeitar é não fazer ao outro o que não gostamos que nos façam.

Todos temos qualidades, mas temos também muitos defeitos, por isso não nos cabe criticar o outro ou desejar que ele seja, pense ou aja exatamente como nós. As diferenças devem ser respeitadas, elas são o que tornam a vida um aprendizado e tão interessante. Tudo seria muito chato se todos fossem absolutamente iguais. Não haveria como aprender com os outros, com as situações e com as experiências menos fáceis de nossa existência.

O respeito é um princípio essencialmente ético já que é um meio de convivência harmoniosa entre pessoas, tanto as próximas quanto aquelas com as quais mantemos certas formalidades, pois, para o bem comum, liberdade de um termina quando começa a do outro.

Se em casa esse princípio ético e essa expressão perfeita de amor ao próximo é tão importante, o respeito deve ser ainda mais acentuado e praticado fora dela, em que adquirimos perfis que se moldam às situações conforme eles nos tragam benefícios de toda a ordem.

E se é para se criar papéis, personagens adequadas ao meio profissional, que elas sejam educadas, respeitosas, gentis, colaboradoras, virtudes que não ocupam lugar e que não tem contra indicações.

Nos meios de comunicação utilizados em nossas relações profissionais, essas virtudes devem ser ainda mais observadas. Nas conversas com os colegas de profissão, nas mensagens de e-mails, de WhatsApp, nas redes sociais em geral, todo cuidado é pouco. Lembrando que se respeito é aquilo que não fazemos ao outro porque não gostamos que nos façam, expressões indevidas, constrangimentos, mentiras, difamações, grosserias, fofocas, ironias, dentre outros perigos que maculam mais a própria imagem (perfil) de quem as utilizam do que as de quem elas são alvo, devem ser eliminadas dessas mensagens.

Roupa suja se lava em casa. Se for para alertar, para orientar, ou para criticar construtivamente alguém, a forma mais respeitosa de fazê-los é em particular, com calma, com indulgência. A roupa fica mais suja ainda quando ela é lavada em público, num grupo de pessoas.

Muitas vezes, levar o desaforo para casa, responder com gentileza uma ofensa, além de só trazer benefícios para quem optou por essas estratégias, tira o outro de destaque, ele fica sem graça e sem público, e o público então de admiradores focam sua atenção toda para você.

Iniciar uma situação de comunicação de qualquer natureza com "bom dia, boa tarde, boa noite", usar uma linguagem cortês, simples, clara e correta na mensagem, e encerrar com "obrigada(mulheres)/obrigado(homens)", não são meras normas de etiqueta.

Cumprimente, elogie e valorize o outro.Esse valor voltará em dobro a você.

O respeito precisa ser aprendido e, como a maioria do que se conhece de fato, precisa ser praticado.

Vamos começar essa prática agora?

Por Rosa Beloto

 

Dicas de sites que tratam sobre o assunto, com dicas muito interessantes e que dão excelentes resultados, em especial nas relações profissionais e sociais:

https://ipp.org.br/main/index.php/comportamento/368-etiqueta-empresarial-comportamento-social-e-postura-profissional

 

https://www.guiadacarreira.com.br/carreira/10-otimas-dicas-de-etiqueta-profissional/

 

https://administradores.com.br/artigos/comportamento-etiqueta-e-seguran%C3%A7a-nas-redes-sociais




Deixe seu comentário
Seu endereço de e-mail não será publicado.




    Seja o primeiro a comentar!