Notícias

Pedagogo formado na UNIESP se reinventa no isolamento e vira sensação na internet

0 Comentário


Compartilhe

               

O ex-aluno da UNIESP, Vinicius Mezzetti, se reinventou durante o período de distanciamento social. Como muitos trabalhadores, ele precisou se afastar do trabalho e precisou usar a criatividade para inovar durante a quarentena. O pedagogo é recreador esportivo e antes da pandemia dava aulas de tênis em condomínios e trabalhava com recreação em festas. 

Pensando nas crianças que estão em casa, sem poder sair para brincar, ele começou a fazer vídeos com diversas brincadeiras e contação de histórias para entreter os pequenos. “A princípio fui gravando vídeos para ajudar os pais, pois sabia que íamos passar por tempos difíceis. E eu tinha como agregar valor na vida das pessoas com as brincadeiras.” 

 Formado na Faculdade de Sorocaba, do Grupo Uniesp, ele diz que era o único homem da sala quando iniciou a graduação. Mas seus docentes o ajudaram a se encontrar na profissão. “Eu não era muito estudioso antes de entrar na faculdade, mas depois as coisas foram se encaixando. Tive ótimos professores, que ficarão marcados para sempreLuciana, Paulo, Escobar, Marco Bugne, Rodrigo, a Jaqueline, entre outros. 

O jovem de 28 anos, conta que foi durante o curso que desmistificou alguns dos mitos acerca da pedagogia. Ele diz que as atividades que desenvolve hoje, tiveram base durante o curso, “tive uma ótima professora na matéria de jogos e brincadeiras, a Luciana que nos auxiliou muito em relação ao cuidado com as crianças, principalmente as menores, entre 2 e 4 anos. 

A iniciativa dele com o entretenimento infantil fez sucesso logo no começo e conquistou os pais, que sabem bem como as crianças são afetadas neste período de isolamento e quemantê-las envolvidas em atividades como as que Vinicius oferece, é essencial. Ele afirma que foram os seminários que teve durante a formação que o ajudaram a perder o medo de falar em público e a se apresentar.  

Não é à toa que com a qualidade de seus vídeos, alcance nas redes sociais aumentou rapidamente. O que levou o pedagogo a ter a ideia de usar a recreação como fonte de renda, passando a utilizar plataformas de vídeo conferência para conversar com quem busca as atividades.  

“Tive algumas palestras sobre pedagogia empreendedora na graduação. Isso abriu a minha cabeça em relação a pedagogia. Antes eu acreditava que a profissão dizia respeito apenas a ser um professor e dar aulas, porém a pedagogia tem um leque muito mais abrangente. 

Ao entender que todos vivem um momento um tanto quanto delicado devido a pandemiaVinicius passou a cobrar um valor pequeno pela recreação. No entanto, ele permite que todos participem das atividades, mesmo os que não puderem pagar. Afirmando que o importante é que todos que queiram possam se divertir. 

A partir daí, ele adaptou suas atividades e criou formas de misturar música, com atividades físicas e educativas, focando sempre no bem-estar dos pequenos e proporcionando para si mesmo a complementação da renda, que havia sofrido uma redução por conta do isolamento.  

“Trabalho com recreação desde 2015, porém ela entrou de vez quando aconteceu a pandemia. E falando no contexto em que estamos, a brincadeira traz mais leveza nas casas, ajuda as crianças a saírem um pouco da frente da tv, e ajuda muito na saúde mental, quebrando o clima pesado em que estamos vivendo. 

Agora famoso na internet e até na televisão, por já ter aparecido em reportagens que destacam seu feito, Tio Vini, como é chamado, se torna um exemplo de como é importante ter sempre atenção as oportunidades e levar para a vida as tantas práticas educacionais que são incentivadas e ensinadas na faculdade. 

 

Para ver mais o trabalho de Vinicius basta segui-lo nas redes sociais. 

Instagram:@bakuri.lazer

Facebook:Bakuri

 

 




Deixe seu comentário
Seu endereço de e-mail não será publicado.




    Seja o primeiro a comentar!