base de Atuação

A UNIESP pauta sua atuação com base nos conceitos de vocação para o ensino, por meio de uma Educação Solidária ministrada nas mais diversas áreas, cursos e habilitações. Sua responsabilidade é proporcionar a oportunidade de ingressar no Ensino Superior, por meio de convênios firmados com instituições de renome, de parcerias e de programas e projetos sociais, à população dos 103 municípios brasileiros, nos Estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Tocantins, Minas Gerais, Bahia, Paraná, Santa Catarina, Mato Grosso do Sul, Paraíba e Pernambuco.

A expansão que temos tido ao longo desses anos é o reconhecimento pela busca constante de qualidade de ensino, a qual a UNIESP mantém por meio de um quadro docente qualificado, de instalações adequadas para o ensino e o atendimento às normas do Ministério da Educação

I. MISSÃO

Praticar a Educação Solidária, possibilitando o acesso de todos ao Ensino Superior de qualidade e participando, ativamente, de projetos sociais educacionais e culturais dos setores público e privado, com uma atuação voltada ao desenvolvimento sustentável e ao atendimento à comunidade.

II. VOCAÇÃO

A UNIESP acredita no princípio democrático e, particularmente, no ensino profissionalizante e superior como “lócus” de realização da cidadania. Acredita, ainda, que o ensino não pode estar dissociado da responsabilidade social, do comprometimento com a formação profissional, humana e ética, além da pesquisa, da extensão e da cultura.

III. EXPANSÃO

A UNIESP tem como meta possibilitar a educação para todos, ou seja, fazer com que aqueles que ainda não tiveram a oportunidade de cursar uma faculdade devido a dificuldades financeiras possam realizar este sonho.
Há planos de tornar a UNIESP internacional, iniciando pelos países da América do Norte, a princípio nos EUA – nos estados da Flórida, da Califórnia e de Massachusetts e, posteriormente, alcançando o continente asiático (pela China) e em seguida África e Europa. E nos próximos quatro anos instalar instituições em todas as cidades do Brasil com população acima de 100 mil habitantes.

IV. ÁREAS, CURSOS E HABILITAÇÕES

A UNIESP atua em todas as áreas de conhecimento: Ciências Exatas, Humanas, Sociais e Biológicas, avaliadas com sucesso pelo ENADE. Oferecemos mais de 80 cursos de graduação com as titulações Bacharelado, Licenciatura e Tecnológo.

V. QUADRO DOCENTE

A UNIESP reúne em seu quadro docente professores das mais diversas áreas do conhecimento, todos com sólida formação acadêmica, rica experiência educacional e extensa atuação profissional. Dentre eles, 51% são Mestres, 31% são Doutores, 15% são Especialistas e 3% são Pós-Doutores.

VI. INSTALAÇÕES

A infraestrutura das instituições integrantes da UNIESP atende às exigências estabelecidas na avaliação do MEC (Ministério da Educação), proporcionando conforto, segurança e acessibilidade a alunos, professores, colaboradores e visitantes.

VII. CONVÊNIOS

A UNIESP possui convênios com empresas, sindicatos e entidades assistenciais, que oferecem concessão de bolsas de estudo aos conveniados. Além disso, incentivamos as instituições a participarem de projetos sociais, promovendo a responsabilidade social por meio de atividades voluntárias de seus colaboradores.

VIII. PROGRAMAS E PROJETOS

A UNIESP Solidária participa ativamente de programas públicos de apoio estudantil criados e mantidos pelos Governos Federal, Estadual e Municipal. Também desenvolvemos e mantemos programas e projetos próprios de projeção Internacional, que permitem o acesso à educação para todos, o que contribui para a elevação do IDH – Índice de Desenvolvimento Humano – de todas as regiões onde existem instituições da UNIESP.

IX. QUALIDADE DE ENSINO

A qualidade de ensino das instituições da UNIESP se revela em seu projeto pedagógico, se fortalece em sua vocação, se projeta em sua expansão, se solidifica em seus investimentos em instalações e equipamentos tecnológicos e se eterniza na competência do seu quadro docente e administrativo.

X. FERNANDO COSTA – PRESIDENTE DA UNIESP

O engenheiro José Fernando Pinto da Costa, tem uma história de vida que mostra o quão à frente de seu tempo sempre esteve este empresário.
Natural de Vera Cruz, pequena cidade o interior paulista, é o caçula do casal José Pinto da Costa e Cacilda Pagnani Costa. Ainda criança, mudou-se com a família para Dracena, outro município do Estado de São Paulo, e foi lá, já como adolescente, que começou a cultivar as ideias que norteariam sua vida. Foi também por lá que se tornou um dos destaques e bicampeão paulista pelo time de basquete local. Assim que concluiu o Curso de Engenharia Civil pela UNESP de Ilha Solteira/SP, deu início à sua vida profissional e chegou, até, a executar importantes obras, como o complexo do Banco Itaú, o Metrô e, durante três anos, uma barragem no Peru. Em 1988, casou-se com Cláudia Pereira (com quem tem dois filhos), mudou-se para Primavera/SP e seguiu sua carreira de engenheiro.

Após se aposentar pela CESP, decidiu buscar novos caminhos, participou do projeto “Educação Para Todos” e começou a colocar em prática o sonho de sua vida: levar a educação às classes mais humildes da sociedade.
A UNIESP nasce em 1999, quando a pedra fundamental da Faculdade de Presidente Epitácio é lançada. A unidade educacional, porém, foi apenas o primeiro de muitos outros projetos que têm por base a Educação Solidária, termo criado por Fernando Costa.
Consciente de que a Educação gera qualificação para o mercado de trabalho e, consequentemente, melhora a qualidade de vida da população, ele criou a UNIESP Solidária, Instituição Filantrópica de cunho social e educacional.

Nesse grupo de instituições parceiras, implantou ações sociais como um instrumento de apoio às iniciativas de promoção do desenvolvimento social e econômico. Os grandes diferenciais da Instituição são aderir e difundir os Programas e Convênios dos Governos Federal e Estadual. Além de oferecer esses Programas, a UNIESP foi pioneira no Programa Escola da Família, com o Governo Estadual. Já com o Governo Federal, foi a primeira Instituição a aderir ao ProUni, antes mesmo do envio do projeto de Lei ao Congresso Nacional, assinado pelo então ministro da Educação Tarso Genro e pelo secretário Executivo do Ministério na época – Fernando Haddad, ex-ministro da Educação ex-prefeito de São Paulo/SP.

Em 19 anos de existência, a UNIESP tem mudado a vida de milhares de jovens de baixa renda que ousaram sonhar com o Ensino Superior. Hoje, este sonho já é realidade para mais de 90 mil alunos de 110 faculdades em 10 estados e 2 Centros Universitários.