Notícias

FAD realiza Semana Júridica “in live” 2020 com palestras especiais sobre os 30anos do E.C.A

Data: 08/07/2020 | 0 Comentário


Compartilhe

          

A Faculdade Diadema realizou entre os dias 01 e 05 de junho a Semana Júridica “in live” 2020, com o tema, "Percepções sobre Estatuto da Criança e do Adolescente em Homenagem ao seu 30º Aniversário".

O evento foi realizado on-line, organizado pela coordenação do curso de Direito  cumprindo-se o necessário distanciamento social em razão da pandemia COVID-19 sem prejuízo das atividades acadêmicas.

No 1º dia as palestrantes foram, a Promotora de Justiça da Vara da Infância e Juventude da Comarca de São Bernardo do Campo; Vera Lúcia Acayaba de Toledo e Maria Lúcia de Lucena, Coordenadora do CASE (Centro de Atendimento Socio-Educativo) de São Bernardo do Campo; que falaram sobre as formas alternativas de solução de conflito no tocante a infância e juventude, bem como, a necessária disseminação da cultura de paz em nossa sociedade.

No dia 02, terça-feira, a Professora Doutora Fabiana Vicente de Moraes, com vasta experiência na área incluindo atuação na Comissão da Criança e Adolescente da OAB/SP-SCS, vice presidencia do CMDCA/SCS e consultoria junto a Associação Brasileira de Magistrados; e os Promotores de Justiça e Defensores Públicos da Infância e Juventude – ABMP, falaram sobre os trinta anos do E.C.A.

Neste bate-papo, os palestrantes atentaram ainda, para o fato de que a maioria das pessoas não utiliza a correta nomenclatura Criança e Adolescente, considerada a maneira correta, uma vez que, o termo "menor", é pejorativo, indicando que ainda há um preconceito da sociedade.

Continuando a semana de palestras, na quarta-feira, a Delegada de Polícia Lucy Mastellini Fernandes, falou acerca da redução da maioridade penal. Afirmando ser contra, baseada em experiências anteriores, onde crianças e adolescentes foram tratados como adultos e a sociedade não teve êxito.

Dia 04 de junho, o Analista do Ministério Público do Estado de São Paulo com atribuição na Procuradoria de Justiça Criminal, o Mestre Thiago Luiz Sartori, trouce o tema, da educação como ponto crucial da crise com a infância brasileira, visto que no Brasil ainda se gasta muito mais com a repressão nesta área, do que com a educação dos jovens.

No encerramento, sexta-feira, a Psicóloga Ricarda Maria de Jesus, falou sobre as circunstâncias do cumprimento de medida sócio-educativa em regime fechado no público feminino. Destacando suas dificuldades e especificidades, com uma abordagem profunda aos casos, trazendo ao público detalhes não publicados nas obras teóricas.

Além disto, o último dia trouxe uma pequena homenagem aos formandos do décimo semestre do curso, trazendo emoção dos participantes ao encerramento.

 




Deixe seu comentário
Seu endereço de e-mail não será publicado.




    Seja o primeiro a comentar!