Notícias

Centro Histórico – Jovens da ONG Aliança de Misericórdia, participantes do projeto Esporte com Educação, realizam vestibular na Faculdade de São Paulo – Centro Histórico

Data: 15/02/2018 | 0 Comentário


Compartilhe

          

 


No dia 2 de fevereiro, a Faculdade de São Paulo – Centro Histórico, polo de apoio presencial e EAD da Universidade Brasil, recebeu os jovens da ONG Aliança de Misericórdia, participantes do projeto de bolsas de estudo Esporte com Educação, que em São Paulo tem parceria com o Sport Club Paulista Corinthians, para a realização do Vestibular 2018. A ação foi mais uma etapa do projeto que visa a educação superior de jovens em situação de vulnerabilidade social.

 

Para a diretora Daniela Cristina Oliveira, da Faculdade de São Paulo, que recepcionou os jovens da ONG Aliança de Misericórdia, foi um enorme prazer conhecê-los e especialmente observar a alegria de cada jovem no momento da prova. Eles ainda tiveram a oportunidade de conversar com profissionais de diversas do conhecimento para tirarem suas dúvidas sobre a escolha do curso desejado.


“Creio que a educação é um dos pilares para o desenvolvimento de uma sociedade. O projeto Esporte com Educação, proporcionado mediante parceria do reitor Fernando Costa, coroa uma oportunidade de mudança nas vidas desses jovens”, disse a diretora da Faculdade de São Paulo.    

 

Já Paula Vecchi, assistente social da ONG Aliança de Misericórdia, relembrou o quanto foi gratificante acompanhar todo o processo que esses jovens trilharam até o momento tão sonhado da realização do Vestibular, que os colocam tão perto do sonho de cursar uma faculdade. Para além dos desafios enfrentados, o sentimento que fica para Paula é o de gratidão.

 

“Foi difícil fazer a seleção entre os jovens, pois muitos manifestaram interesse em fazer uma faculdade. Graças a Deus, no ano passado tivemos muitas bolsas e conseguimos contemplar muitos deles, e neste cenário, nós escolhemos os mais velhos, que precisavam estudar com mais urgência. Além disso, houve ainda orientações sobre a escolha dos cursos para cada um. Foi tudo muito gratificante, eles ficam parecendo crianças, sabe? Todos emocionados vendo seu sonho de fato se realizando”, explica Paula Vecchi, assistente social da ONG Aliança de Misericórdia.

 

Paula explica ainda que muitos deles serão os primeiros a conseguirem ingressar no ensino superior em suas famílias. “Acompanhá-los nesta jornada é muito bom, tenho certeza que serão grandes profissionais! É muita gratidão por tudo, pelas pessoas envolvidas, pelo Corinthians, pela Universidade Brasil, por tudo! Estar com eles é muito importante, eles não sabem o quanto me fazem crescer como ser humano”.

 

A ansiedade e emoção dos jovens foram sentimentos marcantes neste dia especial de Vestibular. Ao final da prova, entre as entregas das avaliações e redações estava Jhenithy Ketrin Vieira Manvel, que escolheu o curso de Direito, e disse que pesquisou sobre a carreira para não ficar em dúvida na escolha final. Jhenithy, que realizou a matrícula no mesmo dia que prestou o vestibular, tamanha era a sua ansiedade de se vincular de imediato à faculdade, comentou estar muito animada para começar a estudar, e já tem planos para o futuro: ela pretende advogar durante um tempo e após, vai prestar um concurso para se tornar delegada. 

 

“Eu vou aprender muito! Tudo vai mudar na minha vida”, afirmou a futura advogada e delegada.

 

Se transformação é a palavra de ordem para Jhenithy, a gerente de Projeto Sociais do Corinthians, Sônia Maria de Andrade, só tem a concordar com a jovem. Ela se diz emocionada em ver a transformação de cada um desses deles, que se antes ainda se mostravam mais tímidos e um tanto imaturos, hoje já é possível perceber o trabalho de autoconhecimento pelo qual estão atravessando com a ajuda da ONG Aliança da Misericórdia.

“É importante perceber o quanto eles já são cidadãos, já estão empoderados e o quanto isso é importante para eles e para o nosso país, precisamos de pessoas assim. Eu estou muito feliz, eu fico arrepiada de ver, é uma perspectiva maravilhosa”, finaliza emocionada a gerente de Projeto Sociais do Corinthians, Sônia Maria de Andrade.

 

Esta foi a segunda turma a realizar o vestibular por meio do projeto Esporte com Educação, desenvolvido entre a Universidade Brasil e o Sport Club Corinthians Paulista, aos jovens de baixa renda que participam das entidades parceiras do Departamento de Responsabilidade Social do Corinthians, aproximando cada vez mais esses jovens do sonho em cursar o ensino superior.

 

  

 




Deixe seu comentário
Seu endereço de e-mail não será publicado.




    Seja o primeiro a comentar!